sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Pai de tudo

  




o tempo
fogo que queima
as entranhas
do universo

caos
que come
os fetos
da matéria

poeira cósmica
sangue, veias
artérias

o tempo
pai de toda
quimera

flui
de todas
as esferas

sendo
o todo
que nos
espera.

2 comentários:

Paixão disse...

dentre todas as coisas, creio o que o tempo seja a coisa mais relativa do mundo e mais surpreendente também!

coitados dos relógios que pensam marcar alguma coisa!

Ewerton Lages disse...

♫ Tempo, tempo, tempo ♫ rsrsrsr massa véi.