sábado, 20 de fevereiro de 2010

atravessei o mundo inteiro
e parei no meio

agora tô parado no meio
do mundo inteiro.


a poesia
é brincar com a palavra
feito o mar com a maresia

não quero impacto
quero o pacto
da alma com o intacto

4 comentários:

Múcio L Góes disse...

vlw, meu véio, pela visita em chez moi!

abraço.

P. disse...

Algumas pessoas costuram suas blusas, calças, olhos e bocas;
Outras costuram palavras.

=]

Mi disse...

bão d+!

Luciana disse...

Gostei,foi bem profundo!
Bom msmo!! *_*