terça-feira, 14 de setembro de 2010

Sonhador


Alguém quer amor?
Tenho bastante amor e é que de graça.
Descobri hoje uma forte desgraça,

a traição também ronda minha praça.
Porque tenho que ser sonhador?

Alguém quer amor?
Não cobro nada além de respeito,
pode ser teu o que guardo no peito,
não me deixe levar o fardo pro leito.
Porque diabos sou sonhador?


Ninguém quer amor.
Todo mundo quer sacanagem.
Não importa a essência,
muito menos a imagem.
Importa, sonhador,

ter paciência e coragem.

23 comentários:

Paixão disse...

"são tempos difíceis para sonhadores"

Não sou do tipo puxa-saco de blogueiros ... rs
Falo de coração, você escreve como poucos, como grandes!

Parabéns pelo talento, beijos.

.Glen disse...

hj td mundo soh pensa em sacanagem msm..
e o sentimento msm n existe mais.
pra mim o amor é a essencia de td!
acho q serei p sempre uma sonhadora! rs

Paralelos do Cotidiano disse...

"Amor é futuro à vista."

Guimarães Rosa

Cld disse...

de sonhar em sonhar, acabamos quase que nem vivendo, esperando algo que muitas vezes pode nunca aparecer.

eu acredito que das experiências da vida temos que levar coisas boas, e tirar tudo de válido das ruins. Não creio que temos tempo pra lamentar, ou pra odiar. Muito menos tempo pra esse tal de rancor. Viver é algo raro demais, que apesar de importar muito o que ja passou, também é empolgante o que está por vir, até mesmo pelo fato de ser incerto e, melhor de tudo, de termos direta influencia nisto. como senhores de nossa existência.

olhos disse...

Eu sonhei tanto que passou, passou e algo mudou, e digo que a mudança foi pra melhor. Ver a vida de outro jeito e assim viver melhor. Não perde tempo, deixa o passado pro museu. Menino bonito do meu coração! =*

Anônimo disse...

Sonhar vale a pena
é isso que nos move...
o sonho de dias melhores
pode nos levar a momentos melhores!!

Anônimo disse...

Enquanto não pararmos de idealizar o amor como um fenômeno raro e utópico, e sacarmos que na verdade ele é muito maior do que nossos interesses medíocres, não entenderemos quão grande ele é, e o quanto ele faz parte de tudo e dele tudo se originou. O amor é universal, é a força que nos move, o sentido da nossa existência... É um processo e não um acontecimento como sonhamos que seja, e acontece entre pessoas de carne e osso e não ideais fantasiosos e inexistentes...
Talvez o amor seja a única coisa nesse mundo que não se ache só de procurar, amor a gente sente de graça e só recebe se antes o der, portanto, para ser amado, ame! (Mas tem que ser de verdade).

Anônimo disse...

"Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue;outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho...o de mais nada fazer."

Clarice Lispector

Glauber Marinho disse...

eu não quero idealizar nada, mas tbm não quero banalizar nada.

não é porque clarice lispector, buddha, jesus cristo, paulo leminski, carlos drummond, mário quintana etc...falaram isso ou que aquilo que vai se aplicar na vida, experiência de todo mundo...cada um age da forma que lhe é conveniente, porém, a conveniência pode ter ou não um preço alto, depende da consciência e do bom-senso...kd pessoa é diferente e requer tratamento diferente...

Larih disse...

Momentos frágeis do coração tiram as melhores palavras de nossas mentes. As experiências são diferentes, os desenganos também, mas o desejo de amar livre e leve é quase o mesmo. É fácil dizer que queremos amor, é difícil enxergarmos ele, mais difícil ainda é estarmos prontos pra vivê-lo.
Adorei, como adoro tudo que você escreve!

=*

P.S. Eu quase tenho um novo preferido.

rafaella disse...

Deixei de ser sonhadora a tempos e esse foi meu mal...Amor? Quando irei sentir?

És um grande Poeta!!
Gosto muito de você!!!
SOu sua fããã!!!
=D
=*****

segredosdepandora disse...

"Pode ser teu o que guardo no peito,
não me deixe levar o fardo pro leito.
Porque diabos sou sonhador?"

Acho que é mais ou menos isso que tenho em mim...
gostei :*

eduardoleite disse...

Boa poeta. Mais uma obra-prima
Agora da pra eu comentar
abraco

Giordana disse...

Parabéns! você escreve muito bem.

Beijoss =**

jôjô disse...

simplesmente lindo. como todos.

Juliana Oliveira disse...

Ficou incrível _*_ Muito tempo que não passava por aqui. Vc falou exatamente tudo: hoje em dia as pessoas levam em conta tudo menos o amor. Por isso que o mundo cada vez mais se encontra em decadencia. Até mais

Lorrayne L disse...

No fundo, talvez, o que nos move são os sonhos mesmo. O que pode ou não, ser bem perigoso ..
Cada um vê da forma que lhe é conveniente como vc disse, mas no amor .. creio que alguns tópicos são quase universais.
Nem todos são sonhadores, mas o que são, acredito que se identificarão muito com essa. Gostei muito daqui Glauber, você é ótimo.

Che disse...

O que posso dizer ...
Muito bom .. o resto são sentimentos

Sonhadora disse...

Suas palavras carregam densidade e eu gosto de tudo o que é denso.

Sentir que o sonhar não vale a pena é mais um dos sentimentos densos que fazem a vida ter sentido. A incerteza, a dor e o desgosto são necessários à sua maneira. Não me privo disso e nem de ser uma Sonhadora.
Aliás, Sonhadora é meu 'título'.
E Glauber é a forma 'masculina' do meu nome.

Foi bom encontrar seu blog.
=)

Abraço.

suellen nara disse...

aah essa imagem sempre dá um nó na minha cabeça... rs
gostei das palavrinhas, apesar de nao gostar de rimas, foi agradável ler-te.

Genny LiMo disse...

Há quem diga que o ato de sonhar é para poucos, não que poucos sonhem, posto sabermos que todo os seres humanos sonham, a verdade é que a maioria esquece fácilmente dos sonhos mais belos antes mesmo de abrir os olhos ao amanhecer.

Sublime, teu poema é isso.
Abração em ti, Glauber
E tenha um ótimo fim de semana.

Letícia Palmeira disse...

Lido e concordo. Cada um, cada um. Amor é tudo ainda.

thayane rodrigues disse...

esse eh eu preferido,eh poiseh jah tenho um poema preferido..li qse todos,sem mentira..jah tinha entrado antes pra olhar,e eu fiquei m perguntando: hum..da ond vem a inspiração?!..eu sou uma sonhadora,que procura sonhar com os pés no chão..pra que se u dia cair,a queda não seja tão alta ao ponto de levar a morte os meus sentimentos.
beijo