terça-feira, 4 de novembro de 2008

Tantúfaz

Vou seguindo, me jogando dos pensamentos
e quanto mais alto eu penso,
mais me autoconvenço que vou voando.
No final das contas, na aterrissagem,
o rumo todo se encontra
e já não cabe pedir passagem.

1 comentários:

Ma disse...

ô perqueno pra escrever bunito! :*